Luís de Camões

em segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Amor é fogo que arde sem se ver; É ferida que dói, e não se sente; É um contentamento desconte; É dor que desatina sem doer - Luís Camões

Nenhum comentário , comente também!

Postar um comentário